quarta-feira, 16 de junho de 2010

Bici - cleta

Lisboa - Cais do Sodré

14 comentários:

Observador disse...

Esses barracões tão mal aproveitados!

Mas que está lá uma bicicleta está.

E funciona?

F Nando disse...

Observador o que me dá tristeza é ver tantas pavilhões que outrora foram fábricas ao abandono

Fatyly disse...

Abrindo as portas unem-se e forma a bicicleta:)

A foto ficou girissima, mas estou com vocês além de mal aproveitados começam a ser vandalizados e a zona a ficar cada vez mais "farrunca".

Lisboa merecia outro presidente, mas a porcaria é toda a mesma!

Helga disse...

Gostei da foto, embora ela me transmita um misto estranho - os sinais do tempo com um tempo sem sinais. Uma forma de valorizar o abandono?

Beijinho :)

Teresa disse...

Que bem apanhado!
Bjs

Natália Augusto disse...

Imaginativo! Gostei da foto e do título.

Bjs

F Nando disse...

Fatyly tudo vai sendo abandonado e é pena e se fosse só em Lisboa...
Bjs

F Nando disse...

Helga não sei mas fica-me a ideia que se calhar do mal o menos e mesmo abandonado pode-se dar uma certa "dignidade" ao local, estou a recordar-me do Pateo do Fradique basta ires a "atentados ao património" para veres a evolução daquele local.
Bjs

F Nando disse...

Teresa obrigada
Bjs

F Nando disse...

Natália sempre atenta!
Bjs

Romicas disse...

Eheheh! Conheço bem este lugar e achei esta foto bem apanhada.
Bjs
Romicas

F Nando disse...

Romicas ali mesmo à saída dos barcos...
Bjs

Pedro Reis Miguel disse...

E estes barracões já não estão mal aproveitados... é precisamente o 'Fiéis ao bar do rio' ;)

:D

F Nando disse...

Pedro obrigado pela visita
Um abraço