segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Lolitas






Aqui há um ano tirei umas fotos e na altura pensei tratar-se de uma promoção de um qualquer evento ou algum catálogo de moda/publicidade e é curioso que ainda há uns dias atrás tinha visto essas fotos e que vontade tinha de fazer um "post" delas, porém algum recato com a privacidade das retratadas me impedia de o fazer
Ontem folheava a revista do Correio da Manhã quando vejo as Lolitas!
Um artigo curioso sobre a forma de ser e de estar perante a vida!
Gostei!
Depois disto aqui vão as minhas fotos das Lolitas, um estilo que considero rectro-vanguardista e que lhes fica muito bem!

6 comentários:

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Não sei quem são apesar de ler que vêm do Japão, mas fico com a mesma sensação de quando vi as fotos sem ter lido o post: belas fotos e muito oportunas. Hoje até nas máscaras de brincadeira as pessoas têm vergonha... de brincar. Brincar é preciso.

abraço

Natália Augusto disse...

Estas Lolitas são uma forma de estar na vida que marca a diferença, ainda que muitos as julguem ou sejam menos simpáticos com elas nas ruas. A diferença incomoda! Porquê? Porque a mentalidade portuguesa continua pequenina, mesquinha e atrasada no tempo.
Admiro-as pela coragem.
As fotos, como sempre,estão óptimas e favorecem-nas bastente.

Beijinhos

F Nando disse...

Lobinho esta forma de estar apareceu no Japão porém acho que é mesmo como dizes:
Brincar é preciso!
Um abraço

F Nando disse...

Nathalie se as vir novamente vou à conversa com elas pois acho piada não só à forma de vestir como de estar. Ainda bem que apareceu esta reportagem na revista do Correio da Manhã foi a forma que as coloquei cá fora.
Beijos

Eli disse...

Gostei! Era "gaja" para vestir-me assim e circular por aí, para tomar chá, por exemplo...

:)

Fatucha disse...

É sem dúvida uam forma de coragem. Assumem este estilo, é uma forma de estar na vida.