terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Natal...


7 comentários:

Anónimo disse...

MUNDO DE HIPOCRISIA

Nesta Mundo de hipocrisia
Que tudo querem comemorar
Arranjam sempre um dia
Para algo festejar

É o dia do Idoso
Que eles querem festejar
Mas logo no dia seguinte
Nem uma sopa quer dar.

A loucura do Natal
Põem o Mundo a correr
Mas o amor e a caridade
A onde estão a vender?

Esta época festiva
Que o homem comemora
Com bens consumistas
Que depois deita fora!

Jesus nasceu pobre
Para ao homem demonstrar
Que mesmo na pobreza
Pode a felicidade encontrar.

Isto é um Mundo
Só para Inglês ver
Pois no dia seguinte
Volta tudo outra vez!


Escrito com o coração 02/12/2008
Autora: A própria
Todos os meus poemas são oferecidos a este blogue
São originais, e não plagiados

Tiago R Cardoso disse...

Exagerado este artista, não é preciso escrever que o pessoal sabe bem.

bem apanhado.

Teresa disse...

Muito a propósito. Todos sentimos que o Natal é mais comércio do que outra coisa, mas não conseguimos sair da teia.

Brown Eyes disse...

É isso que as pessoas pensam diariamente, que a felicidade se compra mas não, ganha-se. A maneira como olhamos os outros, como nos preocupamos com eles, como vemos o mundo dar-nos-á ou não essa felicidade. Bem apanhado.

Gingerbread Girl disse...

Eu acho que seria muito feliz, se me deixassem passar o dia 25 a dormir. =|

*

desejo disse...

Este ano apetece viver o Natal em paz, sem gastar um único cêntimo em prendas.

Sena do Aragão disse...

É verdade.

Pena que que a felicidade acaba por volta de Janeiro.